Falamos de conjuntivite quando existe uma inflamação na conjuntiva; uma estrutura fina e transparente, localizada no interior da pálpebra.

A conjuntivite nas crianças pode estar associada a várias causas, sejam:

  • Infecciosas, provocada por bactérias ou outros microorganismos;
  • Alérgicas, relacionada com o contacto com alergénios como ácaros, pêlo de animais ou pólen;
  • Reacções a compostos químicos, como cloro nas piscinas;
  • Traumatismos.

Nas crianças a conjuntivite infecciosa é a mais frequente, com manifestações muito específicas, como:

  • Vermelhidão presente no olho afectado;
  • Secreções oculares amareladas;
  • Olhos lacrimejantes;
  • Comichão nos olhos;
  • Ardor local.

A conjuntivite infecciosa é contagiosa e, como tal, as crianças devem ser alertadas e ajudadas a cumprir alguns cuidados:

  • Evitar coçar os olhos;
  • Lavar as mãos frequentemente e corretamente com água e sabão;
  • Não partilhar a sua toalha de banho e de rosto e trocá-las diariamente;
  • Trocar diariamente também a fronha da almofada;
  • Após o diagnóstico, é importante manter-se afastado de outras crianças para evitar o contágio.

Este tipo de infeção geralmente não representa sérios riscos mas necessita de tratamento. Regra geral, o tratamento da conjuntivite é tópico, com recurso à colocação de gotas ou pomada oftálmica.

Nossa equipe médica pronta a ajudá-lo e esclarecê-lo. O seu bem-estar será sempre a nossa prioridade!

Oval Medical Centre, a clínica que fala a sua língua em Londres.

Esta informação foi útil?